Identidade Visual: o que é e qual a importância para a sua empresa

13 minutos para ler
admin
Por Marketing

A identidade visual consiste em um conjunto de símbolos que são construídos para representar uma empresa, um produto ou um serviço. Dentro deste conjunto estão elementos como cores, formas e fontes, que são reunidos para traduzir todo o conceito por trás de um negócio.

Suponhamos que o seu nome seja “Milton”. Apenas Milton. E que você não possua nenhum documento de identificação que possa mostrar o seu rosto, a sua assinatura, o local onde você nasceu ou detalhes do gênero para diferenciá-lo dos outros Miltons. 

Podem existir milhões de pessoas como você no mundo e vocês parecerão ser apenas um indivíduo, pois não têm elementos que demonstrem o quanto são diferentes. A comparação pode soar estranha, mas é para isso que existe a identidade visual: para que as empresas sejam diferenciadas e digam, a partir de alguns elementos, quem são, de onde vêm, o que vendem e para quem vendem.

Se você quer que a sua empresa se destaque no mercado, é preciso saber que a identidade visual é um dos principais fatores para o sucesso de qualquer negócio. Afinal, uma boa identidade visual faz com que sua empresa apareça e seja lembrada pelos clientes.

Durante a construção da sua marca é essencial ter em mente que a identidade visual deve ser impactante e bem diferenciada das demais. Só assim a sua empresa poderá gravar a marca na cabeça das pessoas e crescer em meio a tantos concorrentes.

É claro que, com tantas opções no mercado, fica muito difícil saber o que pode dar certo para a sua empresa. É difícil saber o que mais ganhará destaque e o que mais chamará a atenção dos consumidores.

Pensando nessas dificuldades, resolvemos sanar as dúvidas sobre o assunto neste post. Aqui nós daremos dicas para a construção da identidade visual de sua empresa e mostraremos por que ela é tão importante.

Conheça o conceito e a importância dos aspectos visuais de sua marca, e saiba como avaliar quando é a hora de promover uma mudança de identidade visual em seu negócio!

Boa leitura!

O que é Identidade Visual

A identidade visual consiste na combinação de elementos visuais que buscam refletir uma marca, um nome, uma ideia, um produto, um serviço, ou uma empresa como um todo.

Ela abrange itens visuais, tais como:

São os elementos que mostram como é a sua marca e o que ela quer mostrar.

Existem, no mercado, muitas empresas que são lembradas por suas cores ou apenas por uma fonte, que representa o seu nome. É muito comum vermos, por exemplo, uma determinada fonte e já associarmos ela à uma marca. 

É nesse tipo de identificação que você deve tentar chegar com a sua identidade visual. 

Conheça a diferença entre identidade visual, marca e branding

Apesar da importância da construção de identidade visual para uma empresa, em muitos negócios ela é tão negligenciada que a diferença entre identidade visual, marca e branding não é bem estabelecida e conhecida.

Esses três conceitos não são sinônimos e, por isso, é importante conhecer cada um deles para entender como diferenciá-los. Vamos lá?

A identidade visual é todo o conjunto de fatores que e envolve o visual da empresa, como o próprio nome já diz. Ela engloba a logo, a paleta de cores, a tipografia oficial e elementos semelhantes.

A marca é o logotipo. Muitos negócios usam o logotipo com desenhos, ilustrações ou apenas com o nome da empresa. Seja como for, ele será utilizado em todos os lugares, sempre da mesma maneira ou com variações mínimas: na fachada da empresa, no uniforme dos funcionários, nos blocos de pedidos, nas embalagens — ele será usado em tudo.

Já o branding envolve todo o processo de criação de uma marca forte. Ele vai muito além de aspectos visuais ou gráficos e envolve, por exemplo, a cultura da empresa, o tom de voz no atendimento e nos canais de contato com o cliente, os valores e o propósito do negócio.

A importância e os benefícios de uma Identidade Visual

A identidade visual é uma das coisas mais importantes em uma empresa, pois ela é a primeira coisa que os clientes verão ao entrar em contato com o seu negócio.  

“A primeira impressão é a que fica?”: essa frase pode muito bem ser utilizada para definir como é importante elaborar um excelente plano visual para a sua empresa. Se as pessoas não gostarem do que estão vendo, dificilmente irão fazer negócio com você.

Para deixar ainda mais evidente a importância da identidade visual, veja alguns exemplos clássicos que deram certo:

  • quem não conhece a famosa marca da Apple? A empresa usa apenas uma maçã como logo e é uma das marcas mais famosas do mundo;
  • a Ferrari utiliza a cor vermelha e um cavalo para ser lembrada, o que passa a ideia de potência e desempenho;
  • o que dizer do M do McDonald’s e da combinação entre vermelho e amarelo? O M em arcos é uma identidade reconhecida mundialmente.

Veja outros benefícios que sua empresa terá ao investir na construção de uma grande identidade visual:

  • as pessoas ficam envolvidas e se identificam com a sua empresa quando gostam da marca;
  • as pessoas confiam mais nos seus produtos, pois veem profissionalismo na marca;
  • elas passam a acreditar que pertencem à cultura criada pela sua marca quando esses valores são bem divulgados e difundidos.

O poder da identidade visual

Independentemente do tamanho, toda empresa deve se preocupar com a sua imagem e com a sua identidade perante o público.

O conceito visual que é agregado à marca é de vital importância e deve englobar todos os elementos que indicam como aquele negócio se coloca no mercado. Ele traz valor, personalidade e pode até atrair novos clientes.

Veja algumas dicas para a criação da identidade visual de sua empresa:

Cuidado na criação

Como é de extrema importância, a identidade visual de sua empresa precisa ser estudada e muito bem trabalhada.

Para desenvolvê-la da maneira correta, você precisa contar com um amplo estudo, unindo profissionais especializados competentes e, sobretudo, mentes pensantes e atuantes da empresa para passar a mensagem correta ao profissional ou à empresa responsável por criar a sua identidade visual.

Como dissemos, além do logotipo, a identidade inclui materiais de divulgação — como cartões de visita, websites e até placas e letreiros para a fachada física da empresa — e um guia de utilização. A identidade é a assinatura do negócio e não pode ser feita de qualquer maneira!

Posicionamento da marca

A identidade visual mostra, claramente, com quem a empresa quer conversar.

Uma corporação de tom mais sério, como um escritório de advocacia ou uma loja de produtos sofisticados, por exemplo, certamente não usará uma gama de cores quentes ou letras divertidas. Ela partirá para tons mais comedidos, estilos mais clássicos e uma linguagem mais formal.

Por outro lado, um empreendimento voltado para crianças tem toda a liberdade para apostar em um logotipo divertido, em websites interativos, em cores vivas e em fontes bem chamativas.

Observar os elementos básicos do público que se quer atingir é o grande segredo para uma identidade visual de sucesso. Lembre-se disso!

Procure as cores corretas para o seu público

Atualmente, somos bombardeados por diversos casos de sucesso em termos de identidade visual. As cores têm grande responsabilidade nisso, pois têm conexão com a neurociência. Empresas de fast food, por exemplo, têm vermelho em seus logos e em seus restaurantes porque, além de chamativa, essa cor instiga o apetite.

O branco, por exemplo, passa paz e tranquilidade. Não é à toa que hospitais e consultórios médicos investem em tons claros e amenos. Vale citar também o azul, que cria a sensação de confiança e de segurança.

Quando é hora de mudar a identidade visual de sua empresa?

O mundo muda todos os dias e as pessoas também. Por isso, é fundamental analisar se a sua empresa está acompanhando essas mudanças — inclusive no que diz respeito à identidade visual.

Tente pensar: será que a identidade visual do negócio ainda atinge e causa uma boa impressão no público-alvo? Será que ainda consegue atender às expectativas dos clientes, como fazia antes?

A partir de perguntas como essas é possível analisar alguns aspectos que podem levar a uma mudança de visual na sua empresa.

Para realizar essa análise, faça as seguintes perguntas:

  • minha marca está atual? 

Verifique se o seu visual atual atende às características do mundo atual. Lembre-se de que os seus concorrentes estão mudando e que vários outros surgem a cada dia. Por isso, fique atento!

  • meu público-alvo é o mesmo? 

O público e as características dele pode se transformar muito com o passar dos anos sem que nós notemos. Por isso, analise se é necessário mudar a cara da empresa para alcançar a evolução do público.

  • a empresa passou por mudanças internas?

Se a sua empresa se afiliou com outra ou passou por uma mudança de direcionamento no produto, por exemplo, é necessário fazer uma alteração no visual da marca para que ela reflita a nova realidade do negócio.

Nesses casos citados acima e em alguns outros é muito importante mudar a identidade visual do seu negócio para que ele não perca público e presença de mercado. 

5 passos para desenvolver a identidade visual de sua empresa

Como já dissemos, a identidade visual de sua empresa precisa ser forte e marcante! Quer saber como fazer isso? Confira o passo a passo que fizemos para te ajudar nessa missão!

1. Saiba quem é seu público

Antes de começar a pensar em uma identidade visual para a sua empresa, pesquise e descubra aspectos sobre o seu público — tais como a faixa etária, a escolaridade, a localização, o gênero e as principais dores deles. Também pesquise os hábitos e os gostos do seu público. Saiba tudo o que você puder!

O resultado dessa pesquisa será o seu guia para definir a identidade visual. Depois, é hora de se perguntar se a audiência vai se interessar e criar uma boa impressão do seu negócio a partir dela. Se a resposta for positiva, você estará no caminho certo.

2. Faça um planejamento

Agora que você já sabe exatamente quem é o seu público, é hora de pensar na sua comunicação.

Quais são as principais mensagens da sua empresa? Como isso pode ser representado na sua identidade visual? Quais elementos não podem faltar na representação do seu negócio?

Reúna todas essas informações para montar um bom briefing para o designer ou para a empresa de design responsável pela criação da sua identidade visual.

Quanto mais detalhes esse documento tiver sobre a empresa, mais perto da perfeição a sua marca ficará.

3. É hora do brainstorm

Agora é hora de criar! Escreva em uma folha A4, em letras garrafais, os interesses do seu público e, em outra, o propósito do seu negócio.

Pregue as duas folhas na parede. Elas serão o norte da criação da sua identidade visual. Comece a ter ideias e anote todas. Todas mesmo, sem filtro!

Depois, junte a sua equipe e revise cada ideia. Separe as que tiverem mais alinhadas com os papéis que você pregou na parede, ou seja, com os interesses da sua audiência e com os seus objetivos. Repasse tudo isso aos responsáveis pelo design da sua identidade!

4. Prototipação

Agora que você já tem uma lista de ideias para o conceito da identidade visual de sua empresa, é hora de testá-las. Idealmente, um designer ou alguém com fortes conhecimentos nesta área deve pegar cada conceito e aplicar visualmente à sua marca.

É interessante que ele teste formas, cores e efeitos até chegar a um resultado que seja impactante e atrativo para a sua audiência.

Finalizado esse processo, ele apresentará a identidade a você. Na hora de aprovar, tenha em mente a pergunta que você deve fazer sempre: “a minha audiência vai se interessar por isso”? Se a resposta for sim, o conceito tem um grande potencial para ser aprovado.

5. Apresente a sua identidade visual

Assim como é fundamental fazer com que todos da empresa conheçam os aspectos como a missão, a visão e os valores do negócio, é importante apresentar a identidade visual da sua empresa para o público interno.

Explique o conceito, justifique as formas e as cores. Você pode fazer isso escrevendo um post ou criando um vídeo conceitual da sua nova identidade, por exemplo. Esse tipo de conteúdo ajudará a familiarizar as pessoas de sua empresa com o novo visual e a deixá-los mais próximos do conceito que foi escolhido.

Aproveite e peça o feedback deles. Pergunte o que acharam. Quanto mais eles fizerem parte desse processo, mas eles sentirão que a identidade visual também é deles.

Conclusão

A construção de uma identidade visual é um aspecto fundamental para a evolução de qualquer negócio. É importante que todos conheçam e se identifiquem com o seu negócio. Assim, ficará mais natural para que as pessoas se lembrem da sua marca.

No entanto, o processo de criação de identidade visual não pode ser “solto”, ele deve seguir um planejamento e sempre se basear em estudos e conhecimento acerca do público de sua empresa.

Além disso, a identidade visual não pode ser uma movimentação de sua empresa que não evolui com o tempo. À medida que as características de seu público e de seu mercado se transformam, a identidade visual também deve evoluir.

E então? Gostou deste material? Quer receber outros textos como este em primeira mão? Assine a nossa newsletter! Basta inserir seu e-mail no campo digitável logo abaixo do banner! 

Até a próxima!

fale_conosco