Tudo que você precisa para Fechar Vendas está em um desses 3 Exemplos de Introdução

12 minutos para ler
Rodrigo Moreira
Por Rodrigo Moreira

Primeiramente, para fazer uma apresentação, seja para uma pequena palestra ou um grande evento, é imprescindível saber como começar e, por isso, vou te mostrar hoje 3 dos melhores exemplos de introdução.

Se você é um gestor ou faz parte da área de comunicação da sua empresa pode ser bastante comum que você tenha que se preparar para fazer apresentações da sua organização.

Apresentação de impacto: Tudo que você precisa saber

Eventualmente, você também pode ser solicitado a fazer apresentações específicas, como um discurso de vendas, uma nova apresentação de dados de marketing ou resultados de pesquisas analíticas. 

Independentemente do conteúdo e do objetivo, para manter a atenção da audiência você já precisa começar com um “estalo forte” na mente das pessoas.

Ou seja, é importante que você crie uma introdução envolvente para captar o interesse do seu público desde o início e deixá-los conectados na ideia da sua oferta. 

Portanto, seja para apresentar resultados ou captar vendas – o objetivo não importa -seu plano será infalível se você utilizar um dos exemplos de introdução certa para o seu público.

Neste artigo, vou revelar a você exemplos de introdução que usamos na Smartalk e que são poderosos para engajar seus ouvintes.

Enfim, ao final dessa página, no último tópico, vou deixar uma dica extra do mundo do storytelling, que vai ajudar você a fechar mais vendas em menos de 18 minutos.

Continue a leitura e seja bem vindo ao artigo!

3 Exemplos de Introdução que Vendem

Antes de mais nada, como você deve saber, o título é o primeiro contato que a audiência tem com o que você fala ou escreve.

Portanto, gaste um bom tempo pensando e mensurando o melhor título para sua apresentação.

Caso o título não seja atraente o suficiente, não vai gerar cliques, acessos, tráfego e nem mesmo uma palminha no final da palestra.

Logo, isso significa que você talvez nem devesse ter perdido seu tempo criando 50 slides para sua apresentação.

Porém, se você conseguir brilhar na criação do título perfeito, a primeira barreira já foi rompida para criar uma necessidade e interesse do público.

Exemplos de introdução: evite o básico

“Bom Dia! Meu nome é [ insira seu nome aqui ] , e estou aqui hoje para discutir [ insira seu tópico sobre ela ] ). Você achará isso interessante porque [ vincule a relevância de seu público aqui ] . ”

Ao invés disso, tente algo como:

“Bom dia! Nenhum de vocês querem saber quem eu sou e o que eu faço, mas aposto que querem muito saber porque [‘seus investimentos não aumentam’] e como se preparar para [‘lançar novos produtos’] em 2021…”

O que chama a atenção para usar um dos exemplos de introdução

  • Uma Declaração ousada: “Você sabia que … [ insira uma estatística relevante e impactante ] ?”
  • A Participação do público: “Levante-se hoje se você acredita que … [ crença relevante para o seu tópico ] ”
  • O melhor do Storytelling: “Quando penso em [ tópico ], isso me lembra de quando eu [ relevância pessoal ] , e isso é tão importante para [ tópico ] porque [ pareie sua experiência com o tópico ] .”

Antigamente, a demanda sobre certos produtos e serviços ditavam a necessidade na mente dos consumidores e todos consumiam as mesmas marcas por uma questão de demanda no mercado.

Digamos que não tínhamos muita escolha…

1º Exemplo de Introdução: No começo, havia a oferta…

Atualmente, com tantas opções e a disponibilidade da internet, o que não falta é opção ao consumidor.

De fato, chegamos ao ponto de ser difícil atrair o cliente para sua empresa, mas isso não é novidade para você, não é mesmo?

Porém, com uma mudança de comportamento e um mercado bem competitivo, hoje é a influência do marketing que move o mercado.

Por marketing, não nos restringimos apenas à campanhas do Google ou ações junto à influenciadores, a premissa de tudo isso é a comunicação.

Comunicação estratégica e a sua importância em uma empresa

Assim, a comunicação é a ferramenta com a qual você monta seu palco.

Se antes tínhamos a oferta nua e crua, hoje precisamos gerar um reconhecimento de marca.

Para construir esse reconhecimento, começamos com o entendimento das percepções do consumidor.

Por que entender como o marketing funciona nos exemplos de introdução

De fato, para gerar reconhecimento de marca o marketing estuda e busca influenciar “processo da percepção do consumidor” considerando 4 estágios principais:

1 – SENSAÇÃO

Esse é o estágio inicial do processo de percepção.

Ocorre quando os 5 sentidos de uma pessoa são inicialmente expostos ao estímulo externo de ações de marketing.

Por exemplo, passar em frente a uma cafeteria, sentir o cheiro da moagem de café fresco, ouvir uma música ao fundo, apreciar o design exclusivo da loja e despertar o desejo de entrar.

As lições de marketing de um fim de semana
no NBA All-Star Game 2018


2 – ATENÇÃO

Após o estágio de sensação, a atenção ocorre quando uma pessoa processa mentalmente um estímulo externo gerado por um produto ou marca.

Portanto, as pessoas prestam atenção às mensagens que são consistentes com suas crenças e necessidades.

No entanto, quando isso não acontece, o consumidor retira a atenção.

Falar em público é a Habilidade mais desejada dos últimos Tempos


3 – INTERPRETAÇÃO

A interpretação ocorre quando uma pessoa, em atenção concentrada, atribui um significado ao estímulo sensorial de um produto ou marca.

Ou seja, a interpretação e compreensão é auxiliada por expectativas e familiaridade.

Logo, o consumidor escaneia sua memória para recuperar experiências anteriores com a marca.

Descubra o que é marketing sensorial e saiba como essa estratégia ajuda a diferenciar sua empresa e aumentar as vendas!


4 – RETENÇÃO

Um estágio mais evoluído do processo de percepção do consumidor é marcado pelo armazenamento de informações de produto ou marca na memória de longo prazo.

O estágio de retenção significa que a marca/oferta está na lista de preferidos do potencial comprador.

Pitch de vendas: o que é e como montar um que conquiste clientes


2º Exemplo de Introdução: O Poder da Empatia

Foque nas emoções!

Nosso cérebro responde às histórias mais do que qualquer outra coisa.

A “Roda das Emoções”, de Robert Plutchik, revela algumas das emoções subjacentes que influenciam seus clientes, o que – quando são alavancadas – podem impulsionar suas conversões.

exemplos de introdução

De fato, a forma da mensagem publicitária continua sendo importante, mas agora é determinada pelo conteúdo, em maior peso e com mais empatia.

Já passamos pela era da linguagem publicitária construída com o máximo de “sedução” ou “persuasão”, uma forma atrativa e cativante, agora vivemos a era do conteúdo relevante.

Assim, a audiência é conquistada pelo conteúdo com o qual se identifica e se sente pertencente.

Portanto, esse é um dos exemplos de introdução mais poderosos porque cria lações de confiança e equivalência com o público.

Logo, não há método mais poderoso para criar empatia que o Storytelling.

O que é Storytelling: guia COMPLETO para contar histórias impactantes

Considerando as características do meio e as possibilidades de comunicação já apresentadas, é possível definir pontos que ajudam na composição de uma comunicação publicitária na Internet.

Portanto, para construção de um storytelling forte e assertivo, separei 5 pontos importantes que você pode acrescentar nos exemplos de introdução para tornar sua apresentação única.

1 – O Storytelling deve ser interativo quando usado com os exemplos de introdução

A técnica de Storytelling é uma via de interação.

Desta forma, a reação e o envolvimento dos ouvintes com a história influencia diretamente no resultado final da sua apresentação.

Portanto, essa natureza interativa do Storytelling deriva do imediatismo e do impacto que a história causa em quem a ouve.

Por isso, esta é uma técnica muito poderosa.

2 – O Storytelling utiliza aspectos vocais e corporais

Você não pode se limitar apenas ao uso das palavras.

Um dos pontos principais para fazer efeito com o storytelling é a forma como você conta sua história…

Então, como você começaria a falar sobre sua empresa agora mesmo?

Isso se trata de um aspecto não-verbais da comunicação, como a postura corporal e as variações no tom de voz, por exemplo.

Portanto, assim você enriquece a história que está sendo contada e como os ouvintes a percebem. 

3 – O Storytelling incentiva a imaginação dos ouvintes

É por isso que você deve usar principalmente esse entre os exemplos de introdução para começar histórias que vendem.

Um guia COMPLETO Como se tornar um palestrante profissional?

Com o uso de uma narrativa que envolva aspectos linguísticos, vocais e corporais, o ouvinte consegue compreender e se envolver com os personagens da sua história.

Assim, uma conexão instantânea será criada entre a audiência e o storyteller, pois ele estará mostrando o lado humano da história e conseguirá captar muito a atenção deles, com isso.

Para saber sobre storytelling leia nosso guia COMPLETO para contar histórias impactantes .

3º Exemplo de Introdução: “Mãos pra cima! Você está cercado!”

Na prática, podemos afirmar que, todas as decisões de compra acabam resultando na integração de 6 condições humanas principais.

Então, quando se trata de induzir o psicológico do consumidor você deve cercar os sentimentos, memórias e desejos do seu público.

Portanto, você pode usar qualquer desses apelos para construir seu discurso em um dos exemplos de introdução:

A Ganância

Pensamos que, “se eu tomar uma decisão agora, vou ser recompensado”.

O Medo

Pensamos que, “se não tomar uma decisão agora, eu estou frito”.

Altruísmo. Pensamos que, “se eu tomar uma decisão agora, vou ajudar os outros”.

A Inveja

Pensamos que, “se eu não tomar uma decisão agora, minha concorrência vai sair na frente”.

O Orgulho

Pensamos que, “se eu tomar uma decisão agora, vou parecer inteligente”.

A Vergonha

Pensamos que, “se eu não tomar uma decisão agora, vou parecer estúpido”.


Exemplos de Introdução com Gatilhos Mentais

Para integrar nos exemplos de introdução que você venha a utilizar, considera também acrescentar gatilhos mentais:

Reciprocidade

Quando alguém é legal com a gente, sentimos necessidade de oferecer algo em troca.

Autoridade

A autoridade precisa ser conquistada. É preciso construir relações e ganhar a confiança das pessoas.

Prova social

Para sermos bastante didáticos, as tendências de moda se baseiam muito nessa ideia.

Quando percebemos que todo mundo está usando determinado tipo de calça, queremos ter uma igual.

Antecipação

Trabalhar mais com expectativas e criar um cenário futuro do qual os consumidores queiram participar.

Exemplos de Introdução que oferecem Exclusividade

Se uma pessoa tem acesso exclusivo a uma informação, um lugar, um produto ou outra pessoa, ela tende a se sentir superior aos outros.


Como Fechar Vendas em Menos de 18 minutos usando qualquer um dos Exemplos de Introdução

Uma hora de apresentação para vender um serviço ou produto…

Consegue se imaginar nessa apresentação? Não como o apresentador, mas como o potencial cliente… do outro lado da mesa.

Tenho certeza que só de dizer que a apresentação leva 1h você já se sentiu desanimado e cansado.

Se você se sente assim, imagine seu cliente!

Ninguém tem esse tempo todo disponível mais e, para ser honesto, se você precisa de uma hora para transmitir a proposta de valor do seu negócio, já está fazendo tudo errado.

Em apenas 18 minutos ou menos, você consegue exprimir o conceito da sua ideia, dizer porque ele é importante para a humanidade e como seu cliente terá vantagens únicas ao optar por ele.

Claro, que o cenário pode mudar a depender do seu ramo de atividade e perfil da audiência.

Esse é o Sales Pitch! E eles são chamados de argumentos de venda por um motivo.

Pitch de vendas:
o que é e como montar um que conquiste clientes

Idealmente, neste método, você precisa convencer alguém dentro do tempo que leva pra um elevador ir de um andar a outro.

Ou seja, para que eu possa entender sua proposta e achá-la convincente o suficiente, você deve me apresentar a ideia do seu projeto no tempo que leva para ir do saguão ao meu andar.

Um bom vendedor deve ser capaz de transmitir sua mensagem de maneira convincente e concisa. 

Se você conseguir acertar seu discurso de vendas, provavelmente terá mais tempo para falar mais tarde.

Então, dedique muito tempo treinando essa técnica e você terá muitas outras oportunidades disponíveis depois que finalizar sua apresentação.

Precisa de ajuda com isso? Acredite, um treinamento em Pitch de Vendas faz milagres nos negócios.

Clique no banner abaixo e comece a tornar suas apresentações comerciais em histórias de impacto.

Transmita mensagens de forma memorável