10 dicas para falar melhor em público

7 minutos para ler
admin
Por Marketing

Com estas sugestões para falar melhor em público você conseguirá fazer a sua apresentação com menos timidez e muito mais desenvoltura. 

Muitos profissionais, como gestores, CEO, empresários e executivos, precisam realizar palestras, workshops, eventos e apresentações públicas. A parte boa é que através destes formatos você consegue ter uma interação maior do público e até mesmo um feedback.

No entanto, existem questão que implicam bastante quando o assunto é “falar em público”, por exemplo:

  • medo
  • receio
  • vergonha
  • ansiedade
  • timidez

Se você é do time que não pode ver um microfone ou a atenção toda voltada pra você, estas dicas serão fundamentais para que possa, de uma vez por todas, se livrar desses traumas.

1 – Conheça a Si próprio

A primeira dica para conseguir falar melhor em público é conhecer a si próprio. O autoconhecimento pode ser uma forma poderosa de entender melhor como são seus comportamentos sobre pressão, suas ações, seus gestos e etc.

Para exemplificar: como você reage quando a plateia traz toda a atenção para você? Você consegue falar e ao mesmo tempo mostrar algo (como passar os slides do PPT) ou prefere fazer uma coisa por vez? Você acha mais confortável utilizar um microfone, por exemplo, ou prefere potencializar a voz e deixar de lado o utensílio? 

2 – Saiba o seu segmento/assunto

Antes de fazer uma apresentação, workshop ou palestra, é fundamental que você esteja capacitado quanto ao seu segmento de trabalho ou assunto que irá apresentar. Se for algo que não domina, possivelmente terá mais dificuldade em passar a informação, não só a uma plateia, como para qualquer pessoa. 

Se estiver preparando para uma palestra do seu setor, a sugestão que queremos dar é para que estude ao máximo tudo o que irá mostrar. Quanto mais você souber sobre tudo, melhor será. pense nas possibilidades de dúvidas das pessoas, possíveis perguntas e questionamentos. 

3 – Conheça o seu público

Este ponto é fundamental para qualquer apresentação. Você sabe com quem vai conversar? Para quem está falando? 

Se você estiver fazendo uma palestra mais empresarial, que exige uma linguagem mais séria e formal, é preciso treinar esta forma de falar. Ao contrário, se estiver falando para um público mais jovem e despojado, poderá se portar de maneira mais leve e sem grandes formalidades.

Já imaginou utilizar termos que não são condizentes com o público-alvo da apresentação? Esta pode ser uma péssima escolha, e a que fará com que você não obtenha os resultados esperados e nem se conecte a ele. Fique atento a isso. 

4 – Estabeleça um roteiro

Agora que você já sabe sobre si mesmo, sobre o seu negócio/serviço e com quem quer falar, é fundamental que trace um roteiro, para se organizar melhor com o começo, o meio e o fim da apresentação.

Alguns tópicos que poderão lhe ajudar neste planejamento do roteiro são: 

  • Quem sou: um breve discurso contando sobre quem é você, sua idade, área de atuação, conquistas, desafios…
  • O que quero falar: neste momento você abordará a sua temática, o seu produto e o assunto que quer falar. 
  • O que quero mostrar: se você tiver algo a apresentar, testar ou o que quer que seja, essa é a hora ideal. 

Como quero finalizar: dito tudo, como você quer finalizar a apresentação? Quer passar algum vídeo? Algum desfecho? Alguma reflexão? Alguma atividade interativa?

Pode parecer bobagem, mas o roteiro fará com que você trace uma linha cronológica no seu cérebro, de onde vai começar, por onde vai percorrer e onde pretende terminar. Mesmo que você se perca ao longo do discurso, não terá problemas se já estiver com estas questões em mente. Pode apostar!

5 – Para falar melhor em público faça ensaios

Nada melhor do que ensaiar. Se a sua dificuldade em público envolve uma melhor articulação das palavras, é através do ensaio que você poderá desenvolver isso. 

Faça ensaios para si próprio, em frente ao espelho, para algum familiar, o parceiro (a) e etc. No seu ensaio, faça uma análise daquilo que flui mais naturalmente e aquilo que não.

Tente deixar a sua apresentação o mais confortável possível. Se estiver com problemas com palavras grandes ou difíceis de serem ditas, por exemplo, opte por sinônimos, e, por aí vai. 

6 – Utilize itens de suporte

É fato que não será nenhum pouco interessante uma palestra ou apresentação em que o palestrante fica lendo ou até mesmo tenha uma “cola” ao longo de todo o discurso.

Por isso, uma forma de auxiliar você no decorrer da apresentação é utilizar-se de itens de suporte, que nada mais são do que: imagens, pequenos textos, slides, sons, entre outros.

7 – Para falar melhor em público: Seja natural/flexível 

Este é o famoso “aja naturalmente!”. Uma pessoa que se comunica de forma natural, sem interpretações e firulas, vai conseguir alcançar um ponto fundamental: a empatia.

Aqueles que estiverem assistindo a sua apresentação ficarão interessados no que você tem a dizer. 

Além disso, seja bastante flexível. Se em algum momento achar que deve improvisar por alguma circunstância que não estava no script ou por alguma interferência através de perguntas, não tenha medo! Deixe-se levar de acordo com o desenrolar do enredo. 

8 – Tome cuidado com a linguagem corporal/não verbal 

Atenção para a sua linguagem corporal, se o seu semblante for de nervosismo e apreensão, certamente passará essa falta de autoconfiança ao longo da apresentação.

Lembre-se, suas roupas, seus sapatos, modo como utiliza o cabelo e outras questões farão com que o público tenha uma primeira impressão sobre você. Portanto, qual é a impressão que você quer transmitir? Pense nisso!

9 – Desperte emoções

Se ao longo da sua palestra você despertar emoções nas pessoas, saiba que dificilmente elas se esquecerão disso. 

Uma forma, inclusive, de despertar emoções no outro é através do storytelling, uma técnica que busca contar uma história e conectar pessoas. 

Aproveite para saber mais sobre isso acessando este texto: O que é Storytelling: guia completo para contar histórias impactantes

10 – Faça interações 

Ao criar emoções com o seu ouvinte, você conseguirá algo muito importante. Mas, se o assunto em questão permitir interações, certamente terá o melhor da plateia.

Um público conectado, antenado e interagindo é muito bom para que você fique mais à vontade, já que são sinais positivos de que todo o conjunto da obra está indo bem. 

Portanto, se sentir a abertura e liberdade para fazer perguntas, atividades ou qualquer coisa que gere o diálogo, não hesite! Trabalhe nesta linha, que as chances de obter sucesso serão ainda maiores.

Conclusão para falar bem em público na sua apresentação

Se você gostou de tudo o que abordamos aqui e já quer colocar em prática todas as nossas dicas para fazer uma apresentação de sucesso, agora é a hora.

Aproveite para entrar em contato com a gente. Nós da Smartalk contamos com vários especialistas que ajudarão você a ter um melhor desempenho nas apresentações. Vale muito a pena este suporte!

fale_conosco