Saiba como gerar impacto emocional no seu público

6 minutos para ler
Smartalk
Por Smartalk

Conseguir gerar impacto emocional no seu público através do assunto que você quer expor ou por algum produto/negócio que deseja vender é algo que requer certas práticas.

Quando o objetivo é impactar, e, mais que isso, emocionar, aí é necessário que haja além destas práticas, algumas análises importantes.

Quando falamos de impacto emocional, estamos dizendo que algo/alguém vai despertar o lado da emoção, dos sentimentos de um público. Isso pode ser conquistado de algumas formas, como por exemplo:

Seja qual for o recurso que você vai utilizar, o foco deve ser sempre

– gerar conexão/reciprocidade;

– fazer com que a pessoa se identifique com aquela situação, precise daquele produto ou serviço e crie um laço com aquela marca;

– propiciar um relacionamento mútuo!

Falamos sobre reflexões e práticas importantes para conseguir o tão sonhado impacto emocional da sua audiência. Então, vamos a isso?

Como realmente gerar Impacto Emocional

1- Saiba quem é o seu público-alvo

A primeira análise que queremos trazer aqui para que você possa ter impacto emocional em uma apresentação, narrativa, vídeo ou qualquer outro recurso é: Saiba quem é o seu público-alvo. Como querer falar com alguém, ou melhor, despertar a emoção desse alguém, sem ao menos saber quem é essa pessoa?

Para isso, procure captar os dados da sua persona, como: faixa etária, sexo, poder aquisitivo (no caso de uma venda), cidade, profissão e etc. Se possível, analise também as características dela, principais dúvidas, o que ela gosta de fazer, entre outros pontos pertinentes.


2- Entenda qual é a dor dessa pessoa

Pronto, você já identificou quem é a sua persona. O próximo passo é, sem sombra de dúvida, entender qual é a dor dessa pessoa. Qual é o problema que ela está enfrentando? Qual é a necessidade que este cliente tem e precisa solucionar?

Quando entendemos com clareza a dor do outro, podemos agir de forma mais certeira na solução dela. Além do mais, um cliente costuma estabelecer um laço de conexão maior e mais estreito com uma marca ou uma empresa quando ele sente que está tendo aquilo de que precisa, está sendo compreendido e há uma preocupação com as suas necessidades.

3- Pesquise qual impacto emocional vai fazer o seu cliente agir

Este ponto é fundamental quando o assunto é impacto emocional.

Não adianta de nada querer lidar com todas as emoções quando muitas vezes não há nem a necessidade delas ou é até mesmo difícil alcançá-las. Portanto, pesquise qual emoção vai fazer o seu cliente agir.

Se o seu produto é algo ilimitado, por que não tentar trabalhar com emoções como a ideia de escassez e perda?

Se o seu serviço for de algo relacionado à comida, que tal apostar em um marketing bem envolvente que desperte a fome e desejo da pessoa?

Um texto que achamos bem legal para você ler e entender como despertar a emoção ou o gatilho mental mais propício para fazer o seu cliente agir é:


4- Trabalhe a humanização

Se você quer despertar o lado emocional do seu público, precisa trabalhar a humanização.

Quando falamos em humanização, queremos dizer sobre algo que vai criar um laço empático e recíproco entre apresentador-público. E, isso pode ser conquistado através das histórias por exemplo.

Ao nos identificarmos com uma história, narrativa ou discurso, nos colocamos na situação, o que faz com que o envolvimento em um todo se torne maior e mais verdadeiro.

Uma técnica 100% voltada para isso é a de Storytelling, que, inclusive, trabalhamos bastante com as empresas e clientes aqui da Smartalk.

Não deixe de dar uma conferida em alguns artigos sobre este método:

5- Aplique o marketing emocional nas redes sociais

As redes sociais são grandes aliadas do marketing emocional. Isto porque através delas é possível aumentar o engajamento das pessoas, seja para a venda de um determinado produto ou para a exposição a um serviço.

Sabe quando você coloca algum vídeo bastante emotivo no Instagram, por exemplo? Ou então quando faz postagens de frases motivacionais. Tudo isso gera um grande impacto emocional!

Além disso, as redes sociais são bastante utilizadas pelos chamados influenciadores. E, estes influencers ou personalidades midiáticas costumam envolver aqueles que os seguem, seja pela carreira que exercem, grau de notoriedade e etc. Inclusive, muitas empresas e negócios já contam com o marketing voltado para estas pessoas pelo alto poder de impacto que elas podem proporcionar para a marca ou para o produto!

6- Aposte nos recursos/ferramentas audiovisuais

Em qualquer tipo de modelo – apresentações, palestras, treinamentos, workshops, mídias digitais e etc -, o uso dos recursos audiovisuais são imprescindíveis, ainda mais se o objetivo for emocionar/impactar.


Os vídeos e as imagens costumam proporcionar um contato mais facilitado e até mesmo rápido com as pessoas. Já ouviu falar na expressão “Uma imagem vale mais que mil palavras?”

Pois bem. Pode ser que através de uma simples fotografia muita coisa pode ser desvendada, assim como um vídeo pode fazer com que as emoções do seu cliente sejam afloradas. E, por aí vai.

Gostou de tudo o que abordamos aqui sobre o impacto emocional? Já está fazendo as suas apresentações ou eventos corporativos utilizando este artifício? Se ainda não, está perdendo tempo.

Aproveite para entrar em contato conosco, agendar uma análise com o nosso time de especialistas e começar a aplicar ações que trabalhem este lado emocional do seu público-alvo. Temos certeza que os resultados serão extremamente positivos!

fale_conosco